Três games que marcaram o Super Nintendo (não desenvolvidos pela Nintendo)

Super Nintendo chegou ao Japão em 1990, mas não demorou muito para que ele conquistasse o mundo e se tornasse um dos consoles de mais populares da era 16-Bit, vendendo mais de 49.1 milhões de unidades. Uma das razões para o sucesso foi o seu excelente catálogo de jogos disponíveis, que incluía inúmeros títulos icônicos e diferentes.

Alguns deles eram obra da própria Nintendo, como os tradicionais Super Mario World e The Legend of Zelda: A Link to the Past. Games desenvolvidos por outros estúdios, porém, como Chrono Trigger e Super Bomberman, também fisgaram rapidamente o público da plataforma. Veja, na lista a seguir, dez jogos que marcaram a época do Super Nintendo e que não foram desenvolvidos pela empresa japonesa.

1. Final Fantasy VI

Conhecido como Final Fantasy III no ocidente, Final Fantasy VI foi lançado em 1994 e, de lá para cá, se tornou um divisor de águas no gênero RPG. Desenvolvido pela Square (posteriormente Square Enix), o game ficou marcado como o último da era 2D da franquia, e é até hoje considerado por muitos o melhor jogo da série Final Fantasy.

Final Fantasy VI traz uma das aventuras mais belas do Super Nintendo — Foto: Divulgação/Square

Bastante aclamado pela crítica e pelo público por sua experiência única e inovadora, boa parte dos elogios recebidos pelo game se deve aos seus bem construídos personagens e ao seu enredo de reviravolta surpreendente. Ambientado em um mundo de atmosfera steampunk (ou seja, que se passa em um passado mais tecnológico do que o real), o foco de Final Fantasy VI é o conflito entre o Império Gestahlian, que deseja dominar o mundo, e a facção rebelde Returners.

2. Super Star Wars

Em 1992, foi lançado para o SNES o game Super Star Wars, uma adaptação da história do filme clássico de 1977. Nele, o jogador percorre fases de plataforma e tiro, controlando diferentes personagens da franquia como Luke Skywalker, Chewbacca e Han Solo. Na gameplay, há ainda momentos em que o jogador pode pilotar veículos famosos de Star Wars, como uma Landspeeder ou uma X-wing.

Super Star Wars tem vários momentos marcantes do filme de George Lucas — Foto: Divulgação/Disney

Unindo uma dificuldade bem dosada a uma jogabilidade variada, que aproveitava o Mode 7 da plataforma nas suas sequências de voo, Super Star Wars oferecia uma experiência bastante divertida no console da Nintendo. O lançamento soube, à época, explorar bem todos os ganchos que conquistaram os fãs da franquia.

3. Super Castlevania IV

Desde os seus primórdios, a franquia Castlevania da Konami se destacou pelas suas mecânicas clássicas de plataforma. Lançado em 1991, Super Castlevania IV tirou proveito de uma fórmula que já vinha dando muito certo, além de aprimorá-la em gráficos mais bonitos e com uma mecânica de gameplay refinada.

Super Castlevania IV é uma ótima experiência para quem gosta de jogos de plataforma — Foto: Divulgação/Konami

Neste conhecido game, o jogador controla Simon Belmont, um caçador de vampiros que parte com o seu chicote místico para derrotar o temível Drácula. Considerado um dos melhores jogos da geração, Super Castlevania IV serviu de influência para títulos futuros da franquia, como o aclamado Castlevania: Symphony of the Night, que tinha foco muito maior na exploração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *