Conheça os campeões de LOL mais usados nas partidas de 2021

League of Legends (LOL) encerra a sua 11ª temporada em 2021. Neste ano, o MOBA da Riot Games chegou ao total de 157 campeões, e quatro deles foram lançados em 2021: Gwen, Akshan, Vex e Viego (que, por conta de muitos bugs relacionados, ficaram de fora dos torneios competitivos). Várias vezes durante o ano a Riot libera atualizações para balancear seus campeões, a fim de deixar alguns menos dominantes, e evitar que outros fiquem muito para trás, o que traz diversas mudanças ao meta. Pensando nisso, nós reuniunimos os campeões mais usados por rota nos torneios de LOL em 2021. Confira a seguir:

Topo

Yordles são pequenos, mas Gnar foi uma força a ser temida no topo em 2021. O campeão dominou a rota com 1834 picks, superando Renekton por pouco. Apesar disso, o Carniceiro das Areias recebeu 2842 bans, enquanto Gnar teve apenas 1420. A durabilidade e a força de Gnar rendeu um winrate de 53%, sendo um dos mais vitoriosos do topo ao superar nomes como Sett e Irelia.

Durante a Temporada 11, Gnar foi um bom adversário contra Volibear, Karma e Sylas, mas não se saiu tão bem contra Lucian, Lee Sin e Rumble. Os principais jogadores do campeão foram Su “Hanabi” Chia-Hsiang (PSG Talon), Li “Xiaohu” Yuan-Hao (Royal Never Give Up) e Park “Summit” Woo-tae (Cloud9).

Selva

Hospedeiro de quatro espíritos animais primitivos, Udyr venceu a batalha na selva em 2021 — Foto: Divulgação/Riot Games

Em 2021 o embate nas selvas do LoL foi intenso, mas Udyr levou a melhor com 1348 picks. Além disso, o campeão ficou entre os mais banidos da rota, recebendo 1533 impedimentos – embora não tenha sido tão temido quanto a Gwen, com 1608. Mesmo sendo uma escolha popular de jungler, o Andarilho Espiritual vacilou e ficou fora dos 50% de winrate, terminando a temporada nos 49%.

O ano do Udyr foi bom contra Trundle, Karthus e Pantheon, porém fraco contra Xin Zhao, Gragas e Nocturne. Os principais jogadores do campeão foram Yan “Wei” Yang-Wei (Royal Never Give Up), Zhao “Jiejie” Li-Jie (EDward Gaming) e Kim “Canyon” Geon-bu (DWG KIA).

Meio

Orianna fez a rota do meio o seu lugar favorito para brilhar em 2021 no LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Na rota do meio não teve para ninguém: Orianna foi a favorita dos jogadores com 1686, uma larga diferença para Syndra, segundo campeão mais escolhido da rota, com 1227. Sua popularidade não rendeu um winrate gigantesco, mas os 51% foram suficientes para superar nomes como Lucian, Ryze e Yone, todos abaixo dos 50% de vitórias. A Donzela Mecânica também teve sucesso em escapar da seção de bans, e termina o ano com 1224 banimentos.

A Temporada 11 da Orianna foi boa contra Anivia, Vel’Koz e Tristana, mas ela teve dificuldades contra Nocturne, Lee Sin e Yasuo. Os principais jogadores da campeã foram Yuan “Cryin” Cheng-Wei (Ultra Prime), Lee “Scout” Ye-chan (EDward Gaming) e João Miguel “Baca” Novais Bigas (ex-UCAM Esports).

Atirador

Kai'Sa foi o destaque de 2021 na função de atirador, e no LoL como um todo — Foto: Divulgação/Riot Games

Kai’Sa viveu um terror ao ser capturada pelo Vazio, mas se tornou forte o suficiente para dominar a rota inferior em 2021. A atiradora teve 2593 picks, sendo oficialmente a campeã mais escolhida da Temporada 11 do LOL. Com 1128 bans, o winrate da Kai’Sa ficou na turma dos 51%, pouco abaixo dos 53% do Aphelios, o atirador que dominou o meta em 2020.

O ano da Kai’Sa foi positivo contra KogMaw, Caitlyn e Senna, porém nem tão bom contra Maokai, Heimerdinger e Karma. Os principais jogadores da campeã foram Chen “GALA” Wei (Royal Never Give Up), Jang “Ghost” Yong-jun (Nongshim RedForce) e Lin “Lwx” Wei-Xiang (FunPlus Phoenix).

Suporte

Nobre e podrosa, Leona conquistou os jogadores de suporte em 2021 no LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Nobre e podrosa, Leona conquistou os jogadores de suporte em 2021 no LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Armada com a espada Zenite e o escudo Proteção da Aurora, Leona não deu chance para nenhum suporte em 2021. Com 2343 picks, a campeã foi a segunda personagem mais escolhida do LOL na Temporada 11. A guerreira sagrada dos Solari termina o ano com 51% de winrate, mesma taxa de vitórias de colegas de função como Alistar e Blitzcranck. Leona teve apenas 1076 bans, enquanto Thresh teve lugar cativo entre os mais banidos com 3321 bans.

A campeã foi uma forte adversária contra Nami, Amumu e Karma, mas perdeu o confronto contra Bardo, Yuumi e Rakan. Os melhores jogadores com a personagem foram Ling “Kaiwing” Kai Wing (PSG Talon), Ryu “Keria” Min-seok (T1) e Norman “Kaiser” Kaiser (MAD Lions).

Com informações de Daily EsportsDot Esports, Fandom (1234 e 5), Game of Legends (12345 e 6) e Sirus Gaming

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *